Páginas

terça-feira, 12 de julho de 2016

SISTEMA SOLAR - A COR DO CÉU EM OUTROS PLANETAS

QUAL SERIA A COR DO CÉU EM TODOS OS OUTROS PLANETAS DO SISTEMA SOLAR?

 

















Se você respondeu AZUL, errou!

Em um dia bonito e ensolarado, o céu visto aqui da Terra é azul.


Agora, se você estiver em outros planetas, a coloração é bem diferente. Em Mercúrio, por exemplo, o céu é negro o tempo todo.
Em linhas gerais, são os tipos de gases que compõem a atmosfera de cada planeta, a iluminação das estrelas (principalmente o Sol) e as partículas em suspensão no ar que determinam qual é a cor do céu.

A partir disso, os cientistas conseguem estimar qual é a cor do céu dos planetas se a gente estivesse em sua superfície olhando para cima.
Dizemos que é uma "estimativa" porque, até hoje, o que sabemos da maioria dos planetas do sistema solar vem de sondas espaciais.

Então antes vamos falar das cores. Veremos quais são as cores que o céu pode tomar quando visto da superfície dos Planetas interiores, ou seja, Mercúrio, Vénus, Terra e Marte. Mas antes disso, convém primeiro lembrar o que é a cor. Ou melhor, por que motivo vemos determinada cor. E para isso, há que recordar o espectro eletromagnético:



A cor da luz do Sol é branca, porque a vemos como a mistura de todas as cores. É por isso que, quando olhamos diretamente para o Sol, vemos branco. O que torna o céu azul é o espalhamento que a luz sofre, ou dispersão, ao passar na atmosfera. Cada elemento da atmosfera é responsável pela dispersão de um determinado comprimento de onda. Na atmosfera da Terra, maioritariamente composta por oxigénio e nitrogénio, o comprimento de onda que sofre mais dispersão, é o da cor azul. Isso explica o motivo de o céu na Lua ser sempre negro. Só vemos branco quando olhamos diretamente para uma Estrela, por exemplo. Em todo o resto do "céu lunar", e uma vez que não há atmosfera que disperse o que quer que seja, o céu é negro (sinónimo de ausência de luz). O mesmo se passa no céu visto dos Asteroides e das Luas de outros Planetas, por exemplo, pois os corpos são tão pequenos que não têm gravidade suficiente para reter atmosfera.

MERCÚRIO
Por não ter atmosfera, como a LUA, o céu do planeta mais próximo do Sol é completamente negro e "cheio" de estrelas. Se pudéssemos sentar em sua superfície e ficar olhando para cima, veríamos um céu noturno a qualquer hora do dia.


 

 

 

 

VÊNUS

Para chegar até a superfície de Vênus, o segundo planeta do Sistema Solar, seria preciso atravessar nuvens de ácido sulfúrico, ventos com força de um furacão e relâmpagos.
Com essa atmosfera tão densa, a luz do Sol mal consegue atravessá-la, transformando o "céu" de Vênus em um eterno dia nublado.



 

 

MARTE

A atmosfera de Marte é rica em gás carbônico. Durante o dia, a cor do céu é rosa, mas no nascer e no pôr do sol, as áreas próximas do Sol ficam azuis, em um efeito mais ou menos contrário do que acontece na Terra.
Em 1970, as primeiras fotos divulgadas do planeta vermelho mostrava o céu azul. No entanto, elas foram contestadas, e a Nasa afirmou que as fotografias ainda precisavam ser calibradas com o equilíbrio certo de cores.

Pôr do sol na cratera Gusev, em Marte                                                                                                                                                       Planetas gasosos
Ao contrário de Mercúrio, Vênus, Terra e Marte, que são planetas rochosos, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno não têm superfície. São enormes "bolas" formadas por diversos gases.
"Por isso, é praticamente impossível dizer qual é a cor do céu de cada um deles, uma vez que não seria possível parar em sua superfície e olhar para o alto", explica Alexandre Cherman, astrônomo do Planetário do Rio de Janeiro.
O que temos, no entanto, são informações e imagens de algumas sondas que giram ao redor de alguns desses planetas e, a partir disso, os cientistas imaginam as possíveis cores.

SATURNO

Em 2005, a sonda espacial Cassini fez algumas imagens do planeta que mostravam uma espécie de céu azul, uma vez que o "ar" de Saturno é composto, majoritariamente, de hidrogênio.
No entanto, os cientistas observaram que isso acontecia apenas no hemisfério norte do planeta. "O sul de Saturno parece amarelo. Pode ser que os céus meridionais de Saturno tenham mais nuvens, nuvens amarelas, tornando os céus amarelados", diz um texto publicado pela Nasa.



JÚPITER

Ainda não se sabe qual seria a cor do céu de Júpiter. A sonda espacial Juno começou agora a girar em volta do planeta em uma missão de 20 meses para conhecer mais sobre sua origem. Quem sabe não teremos alguma ideia de como seria o céu por lá?


URANO E NETUNO

A atmosfera de Urano é composta de hidrogênio e hélio, como em Júpiter e Saturno, mas também tem metano. Por conta dessa grande quantidade de metano, o céu poderia ser azul. Também por conta do gás metano, o céu de Netuno também teria uma tonalidade azulada.
































Todas as imagens, filmes e etc são
marcas registradas dos seus respectivos proprietários.

Um abraço e até o próximo Post


SOPRO SOLAR                                               

O blog de quem curte Astronomia, Ciência e Ficção Científica. 

quarta-feira, 18 de maio de 2016

FILMES - A NOVA FICÇÃO VOLTADA À "REALIDADE" DA CIÊNCIA...







Que já virou uma tendência os novos filmes de ficção, seguirem o mais próximos da realidade da ciência, já não é tão novidade assim. Alguns exemplos, são fáceis de serem encontrados na indústria cinematográfica.  

Vejam alguns:

O Clássico dos Clássicos - 

“2001: Uma Odisseia no Espaço”,



“Contato”,



“Gravidade”,


















“Interstellar”,

Veja mais detalhes sobre o que tem de ciência neste filme, basta acessar esse link INTERSTELLAR

...


Mas o que levou os diretores a se preocuparem mais com a ciência em detrimento da fantasia?
Isso não quer dizer que "fantasia" deverá ser sempre "fantasia". Mas é claro que podemos ter bons filmes de ficção aliados a elas. Também temos bons exemplos deles nas telonas:


Guerra nas Estrelas,


















Jornada nas Estrelas,


De Volta para o Futuro,




















E.T., 

e por aí vão...
Mas voltando ao conceito de se aproximar ao máximo da ciência, os novos filmes estão se baseando em conceitos básicos do tipo: O SOM não se propaga no vácuo. Os diretores têm encontrado na música uma saída para isso. Um belo exemplo disso é o filme Gravidade. Antes dessa nova tendência, vários filmes de ficção não economizavam em "barulhos" de explosões, ignição de motores, disparos de laser no espaço. Mas nem tudo são erros.


No filme Contato, a comunicação feita com os aliens está dentro da linha trabalhada por cientistas que trabalham com o assunto, como os do Seti (Search for Extra Terrestrial Intelligence). 
Acesse esse link para saber mais sobre esse interessante projeto 
-----> S. E. T. I.



Não é de estranhar que o roteiro tenha sido escrito por um ex-astrônomo, Carl Sagan. A transmissão de mensagens usando códigos matemáticos parece razoável.


O que quero dizer, é que a questão da Ficção Científica não se espera apenas um retrato absolutamente preciso, mas que antecipe descobertas tecnológicas. E muitas produções são exitosas sob esse aspecto.


O consultor Richard Blott(especialista em propulsão espacial) cita um episódio de Star Trek - Jornada nas Estrelas, em 1968, que mostrava uma nave espacial movida por um propulsor de íons. "Hoje a maioria dos novos satélites tem motores movidos a íons", diz Blott.

Propulsor de Íons 
"No fim", conclui Asher, "a Ficção Científica não é para fazer previsões certeiras sobre o futuro. Sua função é entreter e estimular a imaginação. Não há nenhuma dúvida de que muito da nossa imaginação é estimulada pelos cientistas. Até certo ponto, a Ficção acaba impulsionando e direcionando a ciência".



Todas as imagens, filmes e etc são
marcas registradas dos seus respectivos proprietários.


Um abraço e até o próximo Post


SOPRO SOLAR                                               

O blog de quem curte Astronomia, Ciência e Ficção Científica.   
 

quarta-feira, 11 de maio de 2016

DICAS DE FILMES

 

Há algum tempo que não falamos sobre filmes aqui no Sopro Solar, hoje iremos falar de alguns filmes de ficção. Abaixo você encontrará uma lista de 5 filmes recentes de ficção científica que você precisa assistir, mas vou tirar a palavra "recente", pois o mais recente nesse caso é o filme Sob a Pele de 2014. Mas se você ainda não assistiu e gosta do gênero, você precisa assistir. Disponibilizamos as sinopses deles para você ver qual te agrada mais. Nós do Sopro Solar, vimos todos. Mas deixaremos para dar a nossa opinião sobre eles, mais à frente, em outro post. Leia a sinopse e veja o trailer.(Depois de clicar  em "VER O TRAILER", clique em VOLTAR, para retornar ao SOPRO SOLAR)

São eles:
SUNSHINE - ALERTA SOLAR - 2007



SINOPSE E DETALHES 

O Sol corre o risco de desaparecer e, caso isto ocorra, será o fim de toda a humanidade. A última esperança é a nave espacial Icarus II e sua tripulação de 8 pessoas, que transporta uma bomba atômica do tamanho da ilha de Manhattan, que teoricamente alimentará uma nova vida dentro do Sol. Porém, durante a viagem e sem contato com a Terra, eles descobrem o sinal de S.O.S. da Icarus I, a nave enviada 7 anos antes com o mesmo objetivo e cuja causa do fracasso é desconhecida. A tripulação fica dividida entre alterar a trajetória da missão, de forma a obter a bomba existente na Icarus I, o que traria à missão mais uma chance de sucesso, ou seguir o plano original. A decisão recai sobre Capa (Cillian Murphy), o físico da tripulação, que decide ir à outra nave. Porém a mudança de trajetória causa avarias à Icarus II, iniciando uma série de problemas enfrentados na reta final da missão.
Data de lançamento 13 de abril de 2007 (1h 40min)
Direção: 
Nacionalidades Reino unidoEua
 Ver o trailer
LUNAR - 2009 (NETFLIX)


SINOPSE E DETALHES
 
Sam Bell (Sam Rockwell) é um astronauta que cumpre uma missão de três anos na Lua, em uma base instalada pela Lunar Industries. Sua função é extrair do solo e enviar regularmente à Terra uma substância que ajuda a renovar a energia do planeta. Sam tem apenas a companhia do computador GERTY (Kevin Spacey) e está ansioso para completar o trabalho, o que ocorrerá dentro de duas semanas, quando um novo funcionário virá substituí-lo. Só que, repentinamente, Sam começa a delirar e sofre um acidente. A partir de então ele encontra um clone seu dentro da estação lunar.
Data de lançamento desconhecida (1h 37min)
Direção: 
Nacionalidade Reino unido
 Ver o trailer
EXPRESSO DO AMANHÃ - 2013 (
 NETFLIX)
Não recomendado para menores de 16 anos 


SINOPSE E DETALHES
Quando um experimento para impedir o aquecimento global falha, uma nova era do gelo toma conta do planeta Terra. Os únicos sobreviventes estão a bordo de uma imensa máquina chamada Snowpiercer. Lá, os mais pobres vivem em condições terríveis, enquanto a classe rica é repleta de pessoas que se comportam como reis. Até o dia em que um dos miseráveis resolve mudar o status quo, descobrindo todos os segredos deste intrincado maquinário.
Data de lançamento 27 de agosto  (2h 06min)
Direção: 
 Ver o trailer

A OUTRA TERRA - 2011
 
SINOPSE E DETALHES

Rhoda Williams (Brit Marling) é uma brilhante estudante de astrofísica do MIT, e pretende estudar o cosmos. John Burroughs (William Mapother) é um famoso compositor, e não poderia estar mais feliz com a sua família, e o bebê que está por vir. Na noite em que um novo planeta é descoberto, Rhoda dirige desatenta observando o céu, e acaba por bater no carro de John. Ela mata toda a família dele, e deixa o compositor em coma. Depois de cumprir 4 anos de prisão por ter causado o acidente, ela sai da cadeia, e logo procura John. Os dois iniciam um caso de amor, e a jovem astrofísica se inscreve em um concurso, onde o vencedor poderia viajar até o novo planeta, que na verdade é uma cópia do Planeta Terra.

Data de lançamento desconhecida (1h 32min)
Direção: 
Nacionalidade Eua
 Ver o trailerSOB A PELE - 2014
Não recomendado para menores de 16 anos
 
SINOPSE E DETALHES

Um alienígena (Scarlett Johansson) chega à Terra e começa a percorrer estradas desertas e paisagens vazias em busca de presas humanas. Sua principal arma é sua sexualidade voraz... Mas ao longo do processo, ela descobre uma inesperada porção de humanidade em si mesma.


Data de lançamento 15 de maio de 2014 (1h 48min)
Direção: 
Nacionalidades Reino unidoEuaSuiça
 Ver o trailer

Interessado por algum desses filmes? Abaixo tem esse vídeo que fala um pouco mais sobre cada um deles. Visto isso, escolha o seu!



Fonte: TecMundo e Adoro Cinema


Todas as imagens, filmes e etc são
marcas registradas dos seus respectivos proprietários.

Um abraço e até o próximo Post

SOPRO SOLAR                                               

O blog de quem curte Ciência, Astronomia e Ficção Científica.